Após três meses afastado, deputado Valdir Barranco retorna e participa de sessão da ALMT

De maneira remota em sua casa, Barranco anunciou que entrará na Sessão desta quarta-feira (26) em sua volta às atividades

Após três meses afastado, deputado Valdir Barranco retorna e participa de sessão da ALMT

Arquivo pessoal

Depois de ficar 100 dias afastado devido à complicações da Covid-19, o deputado estadual Valdir Barranco (PT) retorna às atividades da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, e participa de Sessão Ordinária desta quarta-feira (26), às 10h da manhã.

De início, o parlamentar vai participar das sessões apenas da forma online, mesmo assim demonstra euforia e muita gana em voltar a exercer suas funções da mesma forma que fazia antes de ter sido diagnosticado. Em vídeo, o parlamentar informa que retorna à partir de amanhã, mas de uma maneira ainda leve e cautelosa, seguindo orientação médica.

“Volto à iniciar aos poucos as minhas participações nas sessões da Assembleia Legislativa. Ontem, já tive as consultas com os médicos, e eles me liberaram para gradativamente ir voltando às atividades remotas. Ainda não posso presencialmente, pois estou restrito e não posso ter contatos externos durante 60 dias. Ainda assim, é um momento de muita alegria poder voltar à trabalhar depois de tanto tempo longe”, disse Barranco.

Ainda com 70% do pulmão lesionado, mas visivelmente melhor, Barranco segue realizando seu tratamento de recuperação pós coronavírus em casa, com sessões diárias de fisioterapia pulmonar e fonoaudiologia, além de concluir o dia com tarefas e exercícios deixados pelos profissionais que o acompanham.

“Não sei quanto tempo ainda vou ficar longe do trabalho presencial, mas mesmo de casa já estou acompanhando todo o cenário. Mesmo que remotamente, vamos retornar ao nosso trabalho pra contribuir com Mato Grosso, pra lutar pelo povo e para construirmos juntos um Estado melhor para todos e todas. Amanhã aguardo vocês nos acompanhando na Sessão”, afirmou.

Barranco e a Covid-19

Barranco se sentiu mal em Cuiabá após ter sentido alguns sintomas iniciais da doença no dia 11 de fevereiro. Ele se isolou em casa e começou com o tratamento, mas seu quadro se no dia 15 de fevereiro e ele teve de ser internado. Apenas 5 dias depois, sua situação piorou ainda mais e ele foi intubado. E no dia 22 de fevereiro, com um agravamento significativo, seus familiares e a equipe médica decidiram pela sua transferência para São Paulo.

Na capital paulista ele ficou, até o dia 5 de maio, quando recebeu alta e na madrugada do dia seguinte Barranco retornou para Cuiabá onde permanece assistido por profissionais em busca de sua plena e total recuperação.

Ele chegou à Mato Grosso com algumas sequelas da doença, precisando de auxílio para realizar todas as tarefas e visivelmente mais magro após perder 27 quilos durante todo o processo. Mas hoje, 20 dia após sua alta, Barranco já realiza todas as tarefas sem qualquer ajuda e ganhou bastante peso e massa muscular, recuperando 9 quilos daqueles que tinha perdido.

Pedro Velasco

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Após três meses afastado, deputado Valdir Barranco retorna e participa de sessão da ALMT

Enviando Comentário Fechar :/