Deputados vistoriam Escola Estadual Padre Firmo em Cuiabá

Barranco cobra do governo reforma da unidade que atende cerca de 750 alunos

Deputados vistoriam Escola Estadual Padre Firmo em Cuiabá

Deputados da Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa vistoriam, nesta terça-feira (16), a Escola Estadual Padre Firmo Pinto Duarte Filho, localizada no Distrito Industrial de Cuiabá. Durante a visita técnica, os parlamentares encontraram uma série de problemas, principalmente na parte elétrica e na estrutura predial.

"Esta escola iniciou as atividades em 2006 e nesses 12 anos não recebeu qualquer reforma. O telhado do prédio principal está com goteiras e parte  da rede elétrica comprometida. Paredes apresentam rachaduras e os banheiros têm problemas hidráulicos, entre outros problemas", disse o presidente da Comissão, deputado Thiago Silva (MDB).

Parte dos 750 alunos estudam em 9 salas provisórias, construídas em PVC, alugadas pelo governo do estado ainda em 2013. Segundo o diretor da unidade, Paulo Roberto Marchtse, "sem condições favoráveis ao processo de ensino e aprendizagem."

"Estas salas não têm proteção acústica. Portanto, o que se diz em um espaço se ouve no outro atrapalhando as aulas. Além disso, os ventiladores estão parados por falta de manutenção e os alunos sofrem com o calor escaldante."

Marchtse contou que há dois anos houve um princípio de incêndio na unidade provocado por problemas elétricos. Segundo ele, "o acidente aconteceu à noite e o fogo foi controlado por servidores que estavam na escola". Não houve vítimas.

Problemas no refeitório, que também serve de sala de aula, e a falta de quadra poliesportiva chamaram a atenção dos deputados.

“A educação física é primordial ao desenvolvimento das crianças. Não é admissível que ainda existam escolas neste Estado que não tenham espaços adequados para estas atividades. Uma escola como esta não oferece qualquer estímulo aos estudantes. Depois a gente reclama que parte de nossas crianças são analfabetas e semianalfabetas”, afirmou o deputado Doutor João (MDB), membro da Comissão.

"A Padre Firmo é um retrato fiel de como os governantes tratam a educação no Brasil. Não podemos admitir que a educação pública seja tratada dessa forma. Esta agenda tem que ser prioridade de todos os governos. Vou cobrar insistentemente da Seduc que corrija esta condição inadequada em todas as unidades onde ainda existam alunos em escolas sem infraestrutura predial e pedagógica. Situações como estas precisam ser banidas definitivamente do nosso estado”, concluiu o deputado Valdir Barranco (PT), vice-presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa.

 

 

Robson Fraga

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Deputados vistoriam Escola Estadual Padre Firmo em Cuiabá

Enviando Comentário Fechar :/